Que tal ter uma iguana em casa?

Ter uma Iguana em casa não é tão complexo quanto você imagina, mas exige alguns cuidados.

 

Nem todos a veem como um animal para ser ter de estimação, mas muitas pessoas ao redor do mundo, incluindo o nosso Brasil, estão adotando a iguana como animal doméstico. Realmente não é nada complexo ter esse réptil em casa, mas é preciso tomar alguns cuidados, visando garantir o bem-estar e longevidade do animal.

 

A iguana nasce com cerca de 15 a 25 centímetros e pode chegar até dois metros de comprimento, sendo que 2/3 serão de cauda. Na fase adulta, ela pode chegar a pesar 10 quilos. Mas para chegar até essa fase, é preciso proporcionar ao réptil um ambiente quente e úmido, mesmo que seja artificial, já que muitas vezes ele poderá ser criado em casas pequenas e sem quintal ou até mesmo em apartamentos.

 

Com hábitos diurnos, a iguana precisa de um terrário, com medidas relativas em relação ao tamanho do animal. Caso a iguana atinja os dois metros na fase adulta, é necessário ter um terrário com as seguintes medidas: 3 de comprimento por 3 de altura e 1 de largura. Já os adultos de porte médio, que varia de 1 a 1,20 metro, o terrário deve ter 1,80 x 1,50 x 0,60. O terrário precisa ter bastante galhos e troncos, um pouco de terra e pedras e algumas rochas, para ficar o mais próximo de seu habitat natural. 

 

Além disso, é necessário ter dentro do terrário, um termômetro, lâmpadas UV-A e UV-B e um hidrômetro, já que as condições ideais de abrigo para a iguana é de bastante calor e ar úmido. A temperatura recomendada é de 29º graus durante o dia e 22º graus durante a noite. Também é necessário ter no terrário um aquecedor com termostato. Já a umidade pode ser controlada por um hidrômetro, para deixar a umidade entre 70 e 80 por cento. Também é indicado deixar uma vasilha com água para o animal se resfriar e borrifar água duas vezes ao dia.

 

Outro detalhe importante é a alimentação da iguana, que não admite alimento de origem animal, em especial a carne e nem açúcar artificial na dieta, somente o das frutas. As iguanas podem comer brotos, insetos, flores de hibisco, vegetais como cenoura e folhas de alface e escarola, além de frutas como laranja, banana e outros alimentos. As iguanas também podem comer rações específicas, tendo que ser alimentadas duas vezes ao dia. No inverno, devido ao metabolismo desacelerado, diminui-se a quantidade de comida.

 

Quanto a higienização do réptil, pode ser feita com um pano úmido. Não esqueça de cortar as unhas semanalmente e retirar as fezes e limpar a urina diariamente do seu animal.

 

A média de preço de um filhote legalizado de iguana varia em torno de R$ 1.000 e R$ 1.500,00. Para saber mais detalhes sobre os itens citados acima você pode procurar um veterinário especializado e pegar mais dicas no próprio pet shop onde você comprou a iguana.

 

***

 

 

Vinicius Cintra, é jornalista formado em 2010 e atuação desde 2008. Colaborador e agora aprendiz no seguimento de jornalismo animal. Aos 26 anos tem experiência com matérias e fotos, já que é um grande fã da fotografia!


Veja Também

Quando pessoas entendem o que é mudar o mundo...

Profissionais dedicam a vida e recurso que têm para salvar animais. E nós do Radar Animal fazemos parte deste time!

Qual a cobra ideal para se ter em casa?

Saiba quais são as espécies de cobras mais indicadas para ter em casa.

Que tal uma Aranha Doméstica como animal de estimação?

Conheça algumas espécies de aranha para ter em casa como animal de estimação.

 


Voltar

Você sabe como entrar no ramo das Empresas de banho e tosa ?

Para os amantes de animais que sonham em ter um negócio próprio um banho e tosa pode ser o ideal. Venha conferir ótimas dicas de como abrir um.

Mel

Belo Horizonte - MG

COMO É POSSÍVEL SABER QUE O SEU CÃO ESTÁ ESTRESSADO?

Saiba quais são os sinais de que seu peludo precisa de mudanças na rotina.

Logan

Curitiba - PR

Conheça a história do cachorro que cuida de filhotes de gatos como se fosse pai

Hoje é dia dos pais e o Radar Animal preparou uma linda história de um cachorro que cuida de filhotes de gatos como se fossem seus filhos.

Projeto de lei visa criar regras para a guarda dos pets após a separação

 O objetivo do projeto é fazer com que os animais não sejam mais tratados como objetos, mas sim como seres vivos e parte da família.

Mel

Porto Alegre - RS

Conheça Spaghettio, a gata 'pirata'

Spaghettio ganhou o apelido de pirata de sua mãe após sofrer um acidente.

Veja tudo o que rolou essa semana no nosso site!

Venha conferir os acontecimentos dessa semana!

Bone

São Paulo - SP