Você conhece a ‘Cartilha de Defesa Animal’?

Promotora de SP lança cartilha que ajuda identificar maus-tratos

Maltratar animais é crime previsto e tipificado em lei, mas muitas vezes subestimado pelas pessoas, que deixam de denunciar às autoridades por medo ou desconhecimento.

 

Para esclarecer todos os pontos dessa área e defender os animais, a promotora de Justiça Eloisa Balizardo, que trabalhou vários anos no Litoral Norte, lançou a ‘Cartilha de Defesa Animal’.

O material pode ser baixado da internet no site do Ministério Público (mpsp.mp.br) digitando-se ‘Cartilha de Defesa Animal’ no campo de busca; ou através deste endereço: Cartilha de Defesa Animal

Os objetivos do material são esclarecer a população sobre atos que podem ser considerados maus-tratos e orientar os cidadãos e entidades sobre as formas de levar ao conhecimento dos órgãos públicos as denúncias de abusos, buscando a proteção aos animais.

Para a autora, as pessoas têm dificuldade de denunciar situações de maus-tratos por desconhecimento da lei e até medo.

“Não raro as pessoas se deparam com situações de maus-tratos aos animais, mas, por medo ou por falta de conhecimento, deixam de comunicar os fatos às autoridades competentes, pensando, muitas vezes, que não há nada a ser feito”, disse Eloisa, por meio de nota.

A cartilha tenta mudar esse quadro e incentivar as pessoas, munidas de informações seguras, lembrou a promotora, “denunciar abusos e maus-tratos aos animais e também exigir que o Poder Público, sem descuidar da saúde da população, fornecendo-lhes tratamento digno”.

Com 24 páginas, a cartilha cobre todos os aspectos da situação, desde a tipificação de maus-tratos, a maneira de denunciar, a quem recorrer em casos de abuso, as formas de coletar provas e como cobrar das autoridades.

 

CCZ

 

Eloisa é bastante crítica à atuação de órgãos municipais, como o CCZ (Centro de Controle de Zoonoses), e da falta de política pública de prefeituras para o controle da população de animais de rua, problema enfrentado em São José.

“Não temos política pública para os animais”, disse a protetora Maria José Zarur, autora de denúncia que levou o Ministério Pública a investigar o CCZ de São José.

A promotora aponta que “a experiência já demonstrou que a política tradicional dos CCZs baseada, sobretudo, no recolhimento e na matança dos animais abandonados, é absolutamente ineficaz para combater o problema do controle populacional de cães e gatos”.

Ela incentiva a população a cobrar dos gestores. “Na hipótese do cidadão notar que seu município não oferece uma política pública deverá comunicar o fato ao Ministério Público”, apontou Eloisa

Para a advogada Silvia Máximo, presidente da Comissão de Proteção e Defesa Animal da OAB de São José, a cartilha é “didática e esclarecedora”, revelando-se uma “iniciativa muito oportuna”.

 

Trechos da cartilha

 

Denúncia.
Não raro, as pessoas presenciam a prática de maus-tratos aos animais e, por medo ou falta de conhecimento, deixam de comunicar o fato às autoridades competentes

Maus-tratos
O crime de maus-tratos significa impingir ao animal qualquer tipo de sofrimento, seja ele físico ou psíquico

Exemplos
Envenenamento, chibatadas, açoites, mutilação, enforcamento, queimaduras, abandono, encarceramento em ambiente sem higiene ou de dimensões inadequadas 

Provas
Caso o crime contra o animal tenha deixado vestígios é importante que seja realizado um laudo ou se obtenha um atestado médico veterinário para comprovar as lesões ou a causa da morte do animal 

Testemunhas
Na impossibilidade de se reunir provas, podem ser colhidos depoimentos de testemunhas, fotos ou filmagens que atestem que os maus-tratos 

Polícia
Toda denúncia de abuso ou maus-tratos contra animais deve ser comunicada à autoridade policial, que deverá apurar o caso

Pena
O crime de maus-tratos possui pena de 3 meses a 1 ano, razão pela qual prevê apenas penas alternativas

 

***

 

 

Vinicius Cintra, é jornalista formado em 2010 e atuação desde 2008. Colaborador e agora aprendiz no seguimento de jornalismo animal. Aos 26 anos tem experiência com matérias e fotos, já que é um grande fã da fotografia!

 


Veja Também

Projeto de lei visa criar regras para a guarda dos pets após a separação

 O objetivo do projeto é fazer com que os animais não sejam mais tratados como objetos, mas sim como seres vivos e parte da família.

Voluntários constroem casas para animais abandonados de Taubaté

Um grupo de voluntários contruiu casas para animais necessitados no interior de São Paulo.

Campanha de vacinação gratuita em Manaus

A campanha tem como objetivo vacinar 218.693 cães e gatos até 26 de outubro.


Voltar

Você sabe como entrar no ramo das Empresas de banho e tosa ?

Para os amantes de animais que sonham em ter um negócio próprio um banho e tosa pode ser o ideal. Venha conferir ótimas dicas de como abrir um.

Mel

Belo Horizonte - MG

COMO É POSSÍVEL SABER QUE O SEU CÃO ESTÁ ESTRESSADO?

Saiba quais são os sinais de que seu peludo precisa de mudanças na rotina.

Conheça a história do cachorro que cuida de filhotes de gatos como se fosse pai

Hoje é dia dos pais e o Radar Animal preparou uma linda história de um cachorro que cuida de filhotes de gatos como se fossem seus filhos.

Projeto de lei visa criar regras para a guarda dos pets após a separação

 O objetivo do projeto é fazer com que os animais não sejam mais tratados como objetos, mas sim como seres vivos e parte da família.

Bone

São Paulo - SP

Conheça Spaghettio, a gata 'pirata'

Spaghettio ganhou o apelido de pirata de sua mãe após sofrer um acidente.

Veja tudo o que rolou essa semana no nosso site!

Venha conferir os acontecimentos dessa semana!